Ouro Preto: história e turismo no interior de Minas - Tem criança na viagem
Buscar
Ouro Preto: história e turismo no interior de Minas
02/09/2017
Tempo de leitura: 4 minutos.

Que tal conhecer Ouro Preto, uma das cidades mais históricas do país, uma das mais interessantes e também uma das que mais têm subidas e descidas? Garantimos que o passeio é ótimo – mas avalie bem antes de levar seu filho pequeno junto!

 

Ela não aparece na lista das 10 cidades mais visitadas do Brasil, mas com certeza todo mundo já ouviu falar, já visitou ou conhece alguém que visitou. E não é para menos: Ouro Preto é linda e charmosa, e merece estar na lista de qualquer viajante.

Distante 95 quilômetros da capital de Minas Gerais, Belo Horizonte, a cidade de arquitetura colonial foi o primeiro sítio brasileiro a ser declarado Patrimônio Mundial da Unesco, em 1980. Cheia de surpresas em cada esquina e repleta de história, é cidade para conhecer com calma, sem pressa e com olhos atentos para o passado.

 

 

Carinha de quem adora passear por aí

 

 

Ouro Preto chegou a ser a cidade mais populosa da América Latina! Nos anos 1.700 estima-se que a população tenha chegado a 80 mil habitantes – maior do que São Paulo e Nova York, no mesmo período. Isso aconteceu por que a cidade era uma das principais da época que ficou conhecida como ciclo do ouro.

Só que o fato de ser um destino cheio de subidas e descidas, em ruas de calçamento antiquíssimo e geralmente irregular, além de ser um passeio mais cultural e histórico do que voltado à diversão, pode frustrar um pouco quem viajar com uma criança.

Nós fomos para lá, em família, no inverno de 2015. Chegamos numa manhã, saímos na tarde do dia seguinte. E deu para curtir bastante, conhecer muitos lugares e ir embora antes de a Sara, então com quatro anos, reclamar.

Fizemos o circuito mais reconhecido – praça Tiradentes, Museu da Inconfidência, uma mina de onde se extraía ouro e igrejas. Mas a vontade era de ficar mais tempo por lá para curtir um pouco mais o clima de passado histórico no ar…

 

 

Ouro Preto chegou a ser a maior cidade da América Latina

 

 

Duas dicas:

– Se quiser saber para onde ir, pegue um mapa turístico. Dá para ir a pé na maioria dos lugares. Mas lembre-se: estamos falando de subidas e descidas íngremes.

– Em igrejas e outros pontos históricos, procure contar com um guia credenciado. Uma coisa é olhar uma igreja de 200 anos sem conhecer sua história; a outra é entender todo o ciclo, os detalhes da construção e ficar sabendo de outras informações interessantes.

 

O que visitar em Ouro Preto

É difícil dizer o que conhecer e o que deixar de lado em uma cidade com inúmeras atrações históricas. Fizemos uma lista baseada em nossas experiências, mas, no final do texto, deixamos outras opções para quem tiver mais tempo para ficar por lá!

 

– Praça Tiradentes

O ponto de partida de qualquer turista por lá. Um dos principais locais turísticos da cidade é também o ponto onde Tiradentes, o inconfidente, teve sua cabeça exposta ao público após a degola. Dali saem ônibus turísticos e, ao redor da praça, você encontra agências de viagens, prédios históricos, lojas de souvenires, restaurantes e turistas, muitos turistas. Pegue um pão de queijo e sente-se em algum lugar para deixar a criançada correr um pouco e ficar observando o jeito mineiro da vida passar. 

 

A Praça Tiradentes é ponto de partida para qualquer passeio a pé pela cidade

 

– Museu da Inconfidência

Localizado junto à Praça Tiradentes. Ali, no passado, funcionava a Casa de Câmara e a Cadeia de Vila Rica. Em seu interior guarda muito material sobre a história da região e sobre a Inconfidência Mineira. Também tem obras e Aleijadinho e Ataíde, sendo uma visita que consideramos obrigatória na cidade. Mas cuidado das mãozinhas ávidas dos filhotes. É ruim quebrar algo dentro de um museu, né? rsrsrsrsr

 

O museu à noite

 

 

 

– Igreja Nossa Senhora do Carmo

Ouro Preto tem cerca de 20 igrejas a serem visitadas, cada uma com sua história interessante e seus tesouros. Muitas delas ficam quase sempre fechadas, e a maioria cobra ingresso de entrada – que não passam de R$ 10

A nossa primeira indicação é uma igreja construída por volta de 1.770 por Aleijadinho e seu pai, por Ataíde e outros artistas, e que está localizada ao lado do Museu da Inconfidência. O destaque fica por conta dos painéis de azulejos portugueses na capela.

 

– Igreja São Francisco de Assis

Outra igreja “assinada” por Aleijadinho e Ataíde. Rica em detalhes, foi construída por volta de 1.766 e tem estilo Rococó. O ponto alto é a imagem de Nossa Senhora da Conceição que existe em seu interior.

 

Assim como todas as igrejas por lá, a Igreja de São Francisco também é linda

 

 

– Igreja Nossa Senhora do Pilar

A igreja mais rica em ouro em Minas Gerais e a segunda mais rica do Brasil. Possui uma ilusão de ótica no teto em uma pintura do Cordeiro de Deus.

 

– Visitar uma das minas de metais e pedras preciosas

Passeio interessante, mas que a Sara não gostou. Ficar sob a terra, em um buraco escuro e apertado, não foi exatamente sinônimo de diversão para ela. A mina escolhida está no Centro Histórico de Ouro Preto, e chama a atenção é que o controle de ingresso e o repasse das informações é feito por pessoas que moram nas terras onde está a mina. Atravessamos o pátio de uma casa para conhecê-la. O custo médio de ingresso nestes locais é de R$ 25.

 

Escura e apertada, mina pode assustar as crianças

 

No colo da mãe, ainda tranquila…

 

– Se der tempo, não deixe de conhecer: Museu Aleijadinho, Museu do Oratório, Museu de Arte Sacra de Ouro Preto, Casa da Ópera, Museu da UFOP, a Casa de Tomás Antônio Gonzaga, a Casa dos Contos e a Casa dos Inconfidentes. 

 

Gostou de saber mais sobre Ouro Preto? Leia aqui sobre Tiradentes, outra cidade histórica do interior mineiro. 

 

 


Minas Gerais  Ouro Preto  História  Aleijadinho  Igrejas  Ouro  Período colonial  Mina de ouro 
Todos os comentários
Belo Horizonte além do "uai" e do pão de queijo - Tem criança na viagem
[…] Neste post falamos sobre Ouro Preto! E, neste outro, sobre Tiradentes.  […]
Bianca Colla
Adorei a visita de vcs a Ouro Preto...
Bianca Colla
Adorei a visita de vcs a Ouro Preto...
Emilio Rotta
Que legal, Bianca! Obrigado por acompanhar o site! :-)
Deixe seu comentário
Seu nome
Email
Website, Facebook, Twitter
Seu comentário
Booking.com
Sobre o blog
Quem somos
Publicidade
Midia Kit
Anuncie aqui.

©Tem criança na viagem 2022. Todos os direitos reservados.